Concurso Consirc Catanduva SP 2017 – Inscrições

O Consórcio Público Intermunicipal de Saúde de Catanduva (CONSIRC), em São Paulo, apresentará processo seletivo que terminará em 2017 para que escriturários e outros sejam contratados temporariamente. Há 79 vagas e as pessoas contratadas terão todas as escolaridades, sendo a VUNESP a empresa admitida para ser a banca organizadora.

Algumas vagas que esse consórcio de Catanduva tem são para os escriturários e para os motoristas, além de telefonista para o atendimento de emergência e os auxiliares de serviços gerais, além de outros. O edital apresentará todos os cursos que os candidatos precisarão ter, sendo eles na Medicina ou então na Enfermagem e áreas afins ao socorro emergência. Vai ser importante para os candidatos se eles tiverem experiência.

Além da VUNESP, também se usa o Diário Oficial de Catanduva para que todos os dados sobre esse processo seletivo sejam atualizados. Na realidade, as convocações e as homologações serão inseridas nesses dois veículos.

Os trabalhadores contratados provisoriamente por esse consórcio possuirão entre 40 e as 30 horas semanais na sua carga. O salário mais alto que o CONSIRC libera é de quase R$ 6.000,00, existindo contratados que ganharão R$ 1.200,00.

As pessoas que trabalharão nesse consórcio de Catanduva possuirão um contrato de estabilidade que a organização poderá renovar. Porém, é claro que os servidores temporários não vão ser efetivados sem que um novo concurso seja liberado e com essa intenção.

Enquanto os selecionados atuarem no CONSIRC, existirá pagamento de fundo de garantia e esses indivíduos receberão também vale alimentação e diferentes benefícios. O período de validade para esse processo seletivo será de dois anos, considerando que essa organização de Catanduva pode estendê-lo.

Inscrição

As pessoas interessadas vão inscrever-se no https://www.vunesp.com.br/ até o dia 9 de outubro. A VUNESP apresenta taxa de inscrição entre os R$ 83,00 e os R$ 43,00; para as possíveis isenções, os profissionais serão obrigados a ter comprovante de renda, além de a banca organizadora aceitar as confirmações de que se está em programas de ajuda governamental.