Concurso Polícia Federal em 2017 terá 1.758 vagas

Os interessados em ter uma carreira policial têm agora uma fantástica oportunidade, que é o concurso da Polícia Federal, que traz 1.758 vagas. Mesmo sem o edital estar liberado, já é conhecido que as oportunidades nesse órgão serão para muitos Estados.

 

Quais são as colocações para a Polícia Federal?

Dentre as oportunidades que a Polícia Federal colocará nesse edital está escrivão, que é um cargo bastante procurado. Contudo, também existirão colocações para delegado, agente e perito. Os cargos em que a Polícia Federal traz mais vagas são agente e também escrivão, que somam 1.200. Para perito, serão 67 oportunidades.

O que a Polícia Federal requer?

Os que começam a atuar na Polícia Federal precisarão ter carteira de habilitação, sendo imprescindível que a categoria seja da B em diante. Se alguém passa nesse certame, mas não tem a CNH, a recomendação é que ela seja tirada, pois a posse apenas acontecerá para os que tiverem esse documento. Apesar de esse órgão requerer que os ingressantes tenham ensino superior, os aprovados podem ter variadas graduações.

 

Quais serão os Estados?

Os aprovados integrarão a Polícia Federal nos seguintes Estados: Roraima, Pará, Amazonas, Acre, Rondônia, Mato Grosso do Sul e mais. É provável que os aprovados atuem nos Estados em que se inscrevem.

 

Salários

Os que ingressam na Polícia Federal têm salário atraente, sendo ele entre R$ 24.150,00 e R$ 11.800,00. É necessário considerar que, além das excelentes remunerações, a Polícia Federal apresenta auxílio alimentação, que soma R$ 458,00. Todas as colocações desse certame têm 40 horas semanais.

 

Inscrição

Ainda não existe uma página para as inscrições. Sendo assim, os interessados em estar na Polícia Federal precisam atentar para a página do órgão: http://www.pf.gov.br/.

 

Preparação

A Polícia Federal já teve numerosos certames e existem variadas apostilas. Na realidade, o interesse pelos concursos da PF é tão elevado que há muitos cursinhos em que apenas esse certame é estudado. Para os que desejam ser escrivãos ou outras colocações na Polícia Federal, a indicação é usar os simulados.