Curso Técnico em Mineração Senai – Inscrição

A mineração não está envolvida somente com pedras preciosas, como a imagem que se convencionou. De fato, essa é uma atividade financeira que também se liga à parte petrolífera e a muitos metais que, todos os dias, estão nos equipamentos eletroeletrônicos e nas indústrias.

Além disso, a estrutura da mineração é complexa, considerando que se tem plantas dos locais e que o solo deve ser bem escolhido, da mesma forma que a feitura da plataforma. Para tudo isso, há o trabalho do técnico, que conhece esse solo e que trata das operações, além de estar a par das plantas e de cuidar da sondagem e de outras atividades.

Os indivíduos que buscam o curso Técnico em Mineração acham-no no Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). Algumas do SENAI, inclusive as do sistema FIEB, têm a grade na forma presencial; entretanto, como os cursos técnicos são muito inseridos no EAD, pode-se aproveitar essa modalidade também.

O curso Técnico em Mineração traz o seguinte para os estudantes: Desativação de Minas, Concentração de Minérios, Comportamento Empresarial, Gestão Ambiental, Desmonte de Rochas, Transporte de Minérios, Método de Lavra, Gestão de Qualidade, Controle na Produção, Processos Unitários, Ventilação de Minas e outros. A junção dos módulos que o Técnico em Mineração apresenta é de 1.200 horas.

Mercado de trabalho

Normalmente, os técnicos que ficam mesmo no campo de mineração são os que atuam na área de Lavra e precisam mostrar às mineradoras quais são os melhores solos, os gastos, quais são os minérios que mais se indica para os materiais e mais coisas práticas.

No entanto, os técnicos também podem ser do segmento de Pesquisa. Nesses caso, os profissionais tratam de análise laboratorial e as coisas que eles utilizam são fotografias panorâmicas, coleta diversa, banco de dados, GPS e muito mais.

Inscrição

As escolas nas quais o Técnico em Mineração é ministrado são pesquisadas em http://www.portaldaindustria.com.br/senai/. Além disso, o Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC) pode tê-lo nas gratuidades porque faz parte dos cursos técnicos, consultando-se com a página http://pronatec.mec.gov.br/inscricao/.