O que é, e como fazer o aditamento do Fies

O FIES (Financiamento Estudantil) é um programa oferecido pelo governo em parceria com a Caixa Econômica e o Banco do Brasil que tem por finalidade oferecer melhores condições financeiras para que a pessoa consiga fazer um curso de nível superior. Sua forma de funcionamento é simples, é feito uma seleção onde as pessoas serão selecionadas para participar do programa, os selecionados terão sua faculdade totalmente financiada e o pagamento das parcelas desse financiamento começaram a ser pagas depois que o aluno terminar sua faculdade.

Aditamento Simplificado

Antes de falamos sobre o aditamento simplificado, você deve saber que a finalidade do aditamento é confirmar que o estudante está devidamente matriculado, confirmar os valores mensais cobrados pela universidade referente a determinado curso, confirmar o curso que o estudante escolheu confirmar a capacidade de pagamento do estudante ou de seu fiador e confirmar a idoneidade do fiador, seja ele o aluno ou qualquer outra pessoa ligada a ele. O Aditamento pode ser feito de duas formas, agora falaremos da forma simplificada e logo abaixo iremos citar a segunda forma que ele pode ser feito.

O aditamento simplificado pode ser feito para contratos que não tem nenhum tipo de problema ou pendências, como o próprio nome já diz, essa é a forma mais simples de ser feita, mesmo por que todos os trametes já estão basicamente em ordem, sendo preciso apenas seguir até a universidade que está matriculada. Na universidade será preciso assinar um termo onde será resumido todos os dados cadastrais e também financeiros referentes ao financiamento daquele determinado semestre.

Aditamento Não-Simplificado

Esse aditamento é feito para contratos que tenham uma ou mais pendências contratuais e cadastrais, diferente do aditamento simplificado, esse deve ser feito junto a uma agência Bancária. Após regularizar todas as pendências o candidato deverá levar seu fiador para assinar um termo de aditamento, com tudo em ordem o não-simplificado passará para simplificado e o candidato poderá fazer o tramete indicado acima para regularizar toda a sua situação cadastral e confirmar todas as suas informações para a liberação do financiamento, que só acontece depois que tudo estiver perfeitamente correto.