Programas sociaisNotícias

2 novos adicionais do Bolsa Família janeiro: Valores de R$ 300,00 e R$ 150,00 disponíveis

O Bolsa Família, principal programa de transferência de renda do país, divulgou uma ótima notícia para as beneficiárias da iniciativa do Governo Federal. Com pouco mais de 21 milhões de famílias amparadas, o projeto de cunho assistencial continua a oferecer suporte fundamental aos brasileiros vulneráveis.

Neste ano de 2024, duas novidades prometem trazer benefícios extras para as mães chefes de família, uma medida que reflete o compromisso do programa em apoiar essas mulheres que enfrentam grandes desafios diariamente.

De quanto vai ser o piso do Bolsa Família em 2024?

O programa vem desempenhando um papel fundamental no apoio a famílias em situação de vulnerabilidade social no Brasil. Atualmente, o valor mínimo que uma família pode receber do Bolsa Família é de R$ 600.

No entanto, vale mencionar que muitos segurados recebem quantias maiores por conta dos acréscimos específicos incluídos na iniciativa. Dito isso, abaixo, confira os detalhes sobre os adicionais e quais beneficiários têm direito aos pagamentos extras.

Benefício Primeira Infância

Um dos adicionais introduzidos é o Benefício Primeira Infância, que acrescenta R$ 150 para cada criança do grupo familiar com seis anos de idade ou menos. É importante ter em mente que o valor é pago por criança, ou seja, as famílias com mais de um jovem na faixa etária informada podem receber valores ainda maiores.

No entanto, cada família pode acumular até dois benefícios adicionais do tipo. Logo, o valor máximo do Benefício Primeira Infância é de R$ 300. A Inclusão do montante extra representa um passo importante para garantir que as crianças na fase inicial de desenvolvimento recebam o suporte necessário para um crescimento saudável e digno.

Benefício Variável Familiar

Outro adicional importante é o Benefício Variável Familiar. Iniciado em junho de 2023, o acréscimo garante R$ 50 a mais para cada criança ou adolescente entre sete e 18 anos incompletos, além de gestantes. Assim como o Benefício Primeira Infância, este valor é pago por pessoa, aumentando o suporte financeiro para famílias com mais filhos ou gestantes.

Demais adicionais do Bolsa Família

Além dos extras mencionados acima, o programa social ainda incluiu mais três pagamentos adicionais em 2023. A seguir, saiba quais são eles:

  • 1. Benefício Variável Nutriz: destinado a famílias que tenham lactantes e bebês com até sete meses de vida. O Benefício Variável Nutriz reconhece a importância da nutrição e do cuidado durante os primeiros meses, essenciais para o desenvolvimento saudável do recém-nascido. O valor pago é de R$ 50 para cada bebê ou gestante.
  • 2. Benefício Extraordinário de Transição: depositado exclusivamente para segurados que recebiam valores mais expressivos no antigo Auxílio Brasil (atual Bolsa Família). A quantia varia de acordo com cada beneficiário, e o pagamento será realizado até maio de 2025.
  • 3. Benefício de Renda e Cidadania: Tem valor de R$ 142 e serve para garantir que as famílias mais numerosas recebam valores mais expressivos no Bolsa Família. Em suma, cada integrante ganha R$ 142, e o adicional pode ser utilizado tanto para preencher os R$ 600 base, quanto para expandir os valores dos pagamentos.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo