Programas sociais

Bolsa Família 2024: Confirmados os valores para JANEIRO

Com o ano de 2024 batendo na porta, os beneficiários do Bolsa Família começam a se perguntar quando que os novos repasses serão efetuados. Para alegria dos 21 milhões de segurados, o Governo Federal já divulgou o calendário de pagamentos e quanto que cada um irá receber no próximo ano.

Portanto, se você faz parte do maior programa de transferência de renda do Brasil, separamos todos os detalhes sobre os depósitos que competem ao mês de janeiro do ano que vem. Dito isso, siga a leitura até o fim e fique por dentro das novidades.

Cronograma de pagamentos do Bolsa Família em janeiro

Como de praxe, os repasses são efetuados nos últimos 10 dias úteis do mês, com o montante sendo depositado diretamente no Caixa Tem, a poupança digital administrada pela Caixa Econômica Federal (CEF). Além disso, a ordem dos pagamentos segue de acordo com o último dígito do Número de Identificação Social (NIS) de cada segurado do programa. Logo, a cada dia, um novo grupo recebe o dinheiro. Confira o calendário de janeiro abaixo:

  • Beneficiários com NIS final 1: depósito no dia 18 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 2: depósito no dia 19 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 3: depósito no dia 22 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 4: depósito no dia 23 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 5: depósito no dia 24 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 6: depósito no dia 25 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 7: depósito no dia 26 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 8: depósito no dia 29 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 9: depósito no dia 30 de janeiro de 2024;
  • Beneficiários com NIS final 0: depósito no dia 31 de janeiro de 2024.

De quanto vai ser o benefício em 2024?

Até o momento, o Ministério do Desenvolvimento e Assistência Social, Família e Combate à Fome (MDS), pasta responsável pelo Bolsa Família, não informou se no próximo ano o auxílio sofrerá algum reajuste. Sendo assim, os segurados do programa ainda vão receber a parcela fixa de R$ 600 e os demais benefícios extras. Veja quais são eles a seguir:

  • 1. Benefício Primeira Infância (BPI): acréscimo de R$ 150 para até duas crianças de até 7 anos incompletos;
  • 2. Benefício Variável Familiar (BVF): adicional de R$ 50 para gestantes ou crianças e jovens de 7 a 18 anos incompletos;
  • 3. Benefício Variável Nutriz (BVM): bônus de R$ 50 para integrantes com até seis meses de vida (nutriz).

Vale lembrar que para garantir a continuidade dos benefícios em 2024, o responsável familiar e seus dependentes precisam estar dentro das normas do programa, como estar com os dados no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) atualizados e cumprir com as condicionalidades ligadas à saúde e à educação. Qualquer irregularidade pode ser resolvida em uma unidade do Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) ou no setor responsável pelo Bolsa Família na prefeitura de sua cidade.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo