Programas sociais

Caixa Econômica pode pagar o Bolsa Família em 2024 através do Drex

Em breve, os beneficiários do Bolsa Família poderão receber a pensão mensal do programa de transferência de renda por meio do Drex, a tecnologia desenvolvida pelo Banco Central (BC). De acordo com fontes próximas ao assunto, a Caixa Econômica Federal (CEF) quer utilizar o sistema para realizar os depósitos do benefício social.

A medida, aliás, poderia ser aplicada não só aos pagamentos do Bolsa Família, como também a outros auxílios, como o seguro-desemprego e o seguro-defeso. “Quando o Drex passa para o cartão, já é registrado no sistema da Caixa que aquele benefício foi pago no token offline“, afirmou o vice-presidente de Finanças e Controladoria da CEF, Marcos Brasiliano, em entrevista concedida ao portal Valor Econômico.

Drex: saiba do que se trata

O Drex nada mais é do que uma plataforma blockchain, que tem como objetivo agregar as transações do sistema financeiro brasileiro. A ideia do BC é tokenizar o real para possibilitar compras e vendas por meio do sistema em questão.

Entre outros pontos, o Drex também poderá ser utilizado de maneira offline. No que diz respeito ao Bolsa Família, por exemplo, o usuário poderia movimentar o montante recebido mesmo se não tiver acesso à internet, podendo ser de grande utilidade em locais onde o sinal é fraco.

Por meio da plataforma, sempre que o segurado usar o cartão do programa, o Drex vai ser transferido via criptografia de dados para a maquininha do vendedor. É a partir deste momento que o saldo vai ser descontado da conta.

As informações ficarão armazenadas localmente até que a maquininha tenha, em algum momento posterior, conexão com a internet. “A atualização dessa transação [para o banco] se daria no momento em que a maquininha tivesse conexão à rede de internet“, explicou Brasiliano. “No momento em que esse ator [dono na maquininha] estiver online, é a hora que ele de fato vai receber o dinheiro no banco, com toda a cadeia de informações sendo atualizada“, concluiu.

Drex é desejo antigo da Caixa

Cabe mencionar que o estudo realizado pelo banco para disponibilizar o Bolsa Família por meio do Drex não é tão recente assim, tendo em vista que o desenvolvimento da plataforma estava sendo monitorado dentro da instituição financeira há alguns meses.

Em uma recente entrevista ao Jornal Nacional, a então presidente da CEF, Rita Serrano, afirmou que a medida poderia ajudar os inscritos no programa de cunho assistencial. Na ocasião, ela destacou que a Caixa iria dar início a um laboratório de produtos digitais a partir de setembro e, por conta disso, seria possível pagar os benefícios sociais com o real digital. No entanto, a executiva ressaltou que a medida entraria no processo de pesquisa do Drex.

Vale frisar que Serrano não é mais presidente da Caixa Econômica Federal, mas o que se sabe até o momento é que a nova diretoria do banco deve seguir com estes estudos.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo