Notícias

Caixa libera saque de R$ 6,2 mil para trabalhadores com conta ativa

Em tempos de calamidades causadas por desastres naturais, milhares de brasileiros têm imprevistos financeiros. Nesse contexto, uma boa notícia surgiu: a possibilidade de efetuar saques do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) para os residentes dessas áreas.

De acordo com a Caixa Econômica Federal (CEF), o saque calamidade do FGTS é uma modalidade que pode ser requerida em situações de urgência e gravidade individual, ocasionadas por desastres naturais que afetem diretamente a moradia do trabalhador. Porém, para que esse benefício seja liberado, é necessário que o governo federal reconheça o estado de emergência ou calamidade pública na região afetada.

Recentemente, a cidade de Porto Alegre, capital do Rio Grande do Sul, teve reconhecida sua situação de emergência devido aos estragos causados por temporais. Com esse reconhecimento, abre-se a possibilidade da autorização por parte da Caixa para que trabalhadores da região realizem saques expressivos de seus fundos do FGTS. O valor máximo que poderá ser sacado é de R$ 6.220,00, mas isso depende do saldo disponível na conta do FGTS do trabalhador.

Como realizar o saque

A solicitação do saque calamidade do FGTS é feita da seguinte maneira:

  1. Acesse o aplicativo FGTS ou o site da Caixa Econômica Federal; 
  2. Faça login com o seu CPF e senha; 
  3. Selecione a opção “Meus saques”; 
  4. Escolha “Outras situações de saques”; 
  5. Opte por “Saque calamidade”; 
  6. Preencha o formulário com todas as informações solicitadas; 
  7. Inclua os documentos que comprovem a emergência ou estado de calamidade pública; 
  8. Envie a solicitação.

Após concluir esses passos e ter a solicitação aprovada, a cidade de Porto Alegre será incluída na lista de municípios, que a Caixa atualiza regularmente em seu site.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo