NotíciasProgramas sociais

Como atualizar o Bolsa Família pelo Cadastro Único: passo a passo

Para garantir a permanência no Bolsa Família em 2024, todos os beneficiários inscritos no programa social devem manter suas informações pessoais e de renda atualizadas no Cadastro Único para Programa Sociais do Governo Federal (CadÚnico). Por meio do banco de dados, as autoridades responsáveis conseguem destinar o auxílio para as famílias que se encontram em situação de vulnerabilidade.

Isso porque a renovação dos dados deve ser feita pelo menos uma vez a cada dois anos, tendo em vista que, como mencionado há pouco, o Governo Federal faz uma revisão durante esse período para manter as famílias que realmente precisam do benefício.

Portanto, a falta de atualização cadastral pode acarretar em uma série de consequências, como a suspensão, bloqueio e até mesmo exclusão do Bolsa Família. Em outras palavras, os repasses deixam de ser feitos e a família só volta a recebê-los após regularizar a situação. O processo, apesar de complicado, é muito simples. Pensando nisso, a seguir, você confere o nosso guia de como atualizar suas informações no CadÚnico.

Procure os órgãos competentes

Antes de entrarmos em detalhes, vale lembrar que os beneficiários do Bolsa Família que precisam atualizar seus dados no CadÚnico são notificados pelo Governo Federal, seja por meio do extrato do saque do auxílio ou via aplicativo do programa. Isso acontece caso sejam constatadas inconsistências cadastrais, como por exemplo informações erradas, aumento ou diminuição no núcleo familiar e CPF irregular.

Logo, ao ser notificado, é preciso se dirigir até uma unidade no Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) mais próxima de sua residência ou ao setor responsável da prefeitura de sua cidade. Para encontrar o local que mais lhe convém, basta acessar o portal Mapas Estratégicos para Políticas de Cidadania (MOPS) e realizar a pesquisa. Vale mencionar que é preciso estar munido dos seguintes documentos:

Titular do benefício

  • 1. Documento oficial com foto (preferencialmente RG);
  • 2. CPF;
  • 3. Título de Eleitor;
  • 4. Comprovante de residência (preferencialmente conta de luz).

Dependentes (se houver)

  • Certidão de nascimento;
  • Certidão de casamento;
  • CPF.

Atualização pela internet

No caso dos beneficiários do Bolsa Família que não tenham como se locomover até o CRAS ou a prefeitura, o processo pode ser feito diretamente pelo aplicativo. Para deixar o cadastro em dia, é preciso ter em mãos o CPF e o documento de identidade registrado no sistema, como RG ou certidão de nascimento. Abaixo, você confere o passo a passo de como fazê-lo:

  • 1. Primeiro, baixe o app do CadÚnico (disponível para Android e iOS);
  • 2. Ao abri-lo, toque no botão “Entrar com gov.br”;
  • 3. Agora, faça o login na sua conta Gov.br usando CPF e senha cadastradas;
  • 4. Depois, toque em “Atualização cadastral por confirmação”;
  • 5. Na sequência, adicione as novas informações ou confirme os dados atuais;
  • 6. Por fim, toque em “Enviar cadastro”.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo