Como criar sua reserva de emergência?

A reserva de emergência é uma das dicas mais ouvidas pela população: quem não tem uma quantia reserva de dinheiro guardada pode ficar em situação difícil no caso de um imprevisto. Pode ser que alguém fique doente, que o carro quebre, que seja preciso fazer um conserto em casa, etc. Sem um fundo de emergência, todas essas despesas (que podem pegar qualquer pessoa desprevenida), o pânico se instala.

O motivo pelo qual as pessoas não fazem reserva de emergência variam:

 

  • Algumas pessoas acham que não ganham o suficiente;
  • Algumas pessoas, por sua vez, acham complicado

 

Aprenda agora como criar sua reserva de emergênciapara ficar bem mais tranquilo em qualquer situação de imprevisto.

1 – Diminuir os gastos desnecessários

Não é preciso abolir os confortos, mas será que é necessário ter três pontos de TV a cabo na casa, por exemplo? Será que não daria para gastar menos com Uber no mês? Retirando um pouquinho desses gastos desnecessários, já sobra um pouco mais para a reserva de emergência.

2 – Não guardar a reserva em casa

Todo dinheiro que está à mão é muito mais tentador. Portanto, é quase obrigatório que o dinheiro referente à reserva de emergência fique na conta bancária ou em um investimento. Quem escolher deixar o dinheiro em uma conta deve usar a poupança, mas é válido reforçar que há muito mais investimentos com margem mais alta de lucro.

3 – Estar aberto às opções de investimento

As corretoras de ações e os bancos têm diversas opções de investimento com as quais o cidadão nem sonha. Entretanto, é importante dizer ao corretor ou ao bancário que se quer um investimento seguro, ainda que ele renda um pouco menos por mês. A respeito das corretoras de ações, uma observação adicional: não se deve deixar de procurar referências com outros investidores.

4 – Evitar as retiradas

O dinheiro que compõe a reserva de emergência só deve ser retirado com planejamento, como para uma viagem (e mantendo uma parte razoável dele na conta) ou em acasos reais de algum imprevisto.






Comentar