Concurso ABIN 2018 – Inscrição, Provas

Novas 300 pessoas serão admitidas na Agência Brasileira de Inteligência (ABIN) em seu concurso para 2018.Tendo a Cebraspe como organizadora, esse certame já havia sido marcado, mas foi necessário prorrogar as suas inscrições.

Os cargos que foram anunciados pela ABIN são oficial técnico em Inteligência, oficial de inteligência e também agente de inteligência. Para a última, é aceito o ensino técnico, enquanto as outras duas exigem o curso de graduação.

No caso do oficial de inteligência, a ABIN não determina o curso; para os outros, pede-se Pedagogia, Arquivologia, Estatística, Engenharia Eletrônica, Direito, Engenharia Civil, Contabilidade, Administração, Biblioteconomia, Tecnologia da Informação, Matemática e mais.

Os procedimentos para que os funcionários sejam empossados são a avaliação médica, a prova de múltipla escolha, curso para a avaliará antecedentes. Todas as provas de múltipla escolha serão em 11 de março, apesar de os turnos dessas provas serem diferentes. Os inscritos poderão escolher qualquer UF para a aplicação, até mesmo o Distrito Federal.

Inscrição

É feita no http://www.cespe.unb.br/concursos/abin_17/ até 31 de janeiro e a sua taxa de participação fica entre R$ 230,00 e os R$ 190,00, com o oferecimento de isenção no caso de o participante ter Bolsa Família ou fazer parte de outro tipo de auxílio do Governo. A pessoa inscrita vai ter de atestar ao Cebraspe a sua renda, podendo utilizar, ressaltando-se que a instituição terá de deferir a isenção.

É importante que os inscritos conheçam a interposição de recurso, que ajuda quando a banca organizadora não concede a isenção, mesmo que o cidadão possa pedi-la, ou quando se acredita ter erros no gabarito ou em qualquer outra etapa. O certame da ABIN também prevê essa interposição, com os direcionamentos citados no seu edital.

Os três cargos são para 40 horas por semana e os vencimentos vão entre os R$ 6.300,00 e os R$ 16.600,00. No caso da área que tem mais de 3 vagas, será feita a cota para pessoas negras. Para os deficientes, todas as três áreas terão 15% das admissões exclusivas para eles, considerando-se a comprovação via laudo.


 



Deixe um Comentário: