Concurso Companhia de Transportes da Bahia (CTB) 2017

Há 23 vagas diferentes para a Companhia de Transportes da Bahia (CTB), que são para ensino médio e incluem áreas como subestação e mais. As admissões nessa estatal baiana vão ser com processo seletivo e a banca organizadora vai ser o órgão público.

Os contratados serão temporários e algumas das vagas que estão incluídas são para assistente condutor, assistente operacional, manutenção de rede aérea, assistente controlador de movimento, manutenção para oficina de trens e mais.

Os cidadãos contratados temporariamente vão ficar em Salvador e o contrato deles com a CTB  é mínimo de um ano. No entanto, existe a possibilidade de a companhia renovar. Não é previsto que a Companhia de Transportes da Bahia crie cadastro reserva: sendo assim, os indivíduos aprovados logo serão convocados.

O processo seletivo contará unicamente com a avaliação curricular e um dos pontos que a companhia baiana usará para as suas convocações é a experiência. Existem cargas horárias das 44 horas por semana até as 36 horas e os aprovados podem ter salários chegando a R$ 1.805,00 ou de R$ 1.350,00.

O Diário Oficial da Bahia vai ser o veículo para que os escolhidos sejam contatados, além de se dever acompanhar periodicamente o site que vai ser indicado para a inscrição. Destaca-se que os candidatos vão mostrar alguns documentos quando eles se inscreverem, tais como qualquer certificado ou então diploma, além de um currículo. Quando convocados, a CTB pode requerer outros documentos.

Inscrição

Por meio do http://selecao.ba.gov.br/ até 21 de novembro. A Companhia de Transportes da Bahia não menciona qualquer taxa de inscrição e também não se tem inscrição em nenhum posto presencial. Um pouco depois, em 29 de novembro, os profissionais que foram escolhidos serão mostrados no Diário Oficial baiano.

Vale citar que os benefícios trabalhistas que os colaboradores da CTB receberão estarão ligados ao que definiu o seu sindicato. Com isso, os funcionários poderão afiliar-se a ele, mas garante-se que isso não interfere em nenhum dos seus benefícios trabalhistas: os profissionais temporários desse local seguirão tendo férias remuneradas, por exemplo.


 



Deixe um Comentário: