Concurso COREN – RS 2018 – Edital e Inscrição

O concurso para o Conselho Regional de Enfermagem do Rio Grande do Sul (COREN RS) de 2018já está em processo de inscrição desde o dia 9 de julho, com 390 vagas, sendo quase todas (384, especificamente) para o cadastro reserva. A organizadora que o COREN gaúcho escolheu é o Instituto Quadrix e haverá validade de 24 meses.

Requisitos Concurso COREN – RS 2018

Certas vagas serão para ensino superior, devendo-se ter graduação completa e também diploma que tenha reconhecido do MEC. Para as vagas que são de ensino médio ou técnico, exige-se a formação em Enfermagem e a pessoa precisa já ser registrada no conselho regional. Outro tipo de vaga para ensino médio é no setor administrativo e, para essa escolaridade, deve-se possuir Carteira Nacional de Habilitação do tipo B.

Para ensino superior, o COREN gaúcho admite analistas de campos como Jurídico, Recursos Humanos, Relações Públicas e outras, além de enfermeiro. No nível médio ou técnico, as vagas destinam-se a assistente técnico e assistente administrativo. Os vencimentos serão entre os R$ 6.622,18 e os R$ 2.542,0064 e o edital esclarece melhor sobre os benefícios. Todos os concursados trabalharão no Rio Grande do Sul.

Etapas do Concurso COREN – RS 2018

As provas de múltipla escolha do Instituto Quadrix serão feitas em 16 de setembro, além de os candidatos de nível superior também terem avaliação de títulos e uma prova de produção textual. Os conteúdos para todas as provas serão de Noções de Informática, Conhecimentos Específicos, Língua Portuguesa e Legislação.

Edital Concurso COREN – RS 2018

O editalfeito pelo Instituto Quadrix está em http://www.quadrix.org.br/todos-os-concursos/inscricoes-abertas/corenrs.aspx. A página da organizadora também tem o cronograma completo para o certame do COREN RS e ele precisa ser visto pelos concurseiros.

Inscrições Concurso COREN – RS 2018

O correrão até 15 de julho na página do Instituto Quadrix, com as suas taxas de participação entre os R$ 100,00 e os R$ 60,00 e os concurseiros podem requisitar à banca a isenção se inseridos no Cadastro Único.


 



Comentar