EmpregosNotícias

Concurso da ATF saiu! Confira o edital com 900 vagas e salário de quase R$ 23 mil

Mais um dia e mais um concurso federal aberto. Dessa vez, trata-se do processo seletivo da Auditores Fiscais do Trabalho (ATF), que teve o edital divulgado em conjunto com os demais editais do Concurso Público Nacional Unificado (CPNU). O certame prevê o preenchimento de 900 vagas imediatas e efetivas para auditores com salários que ultrapassam os R$ 22 mil.

As oportunidades disponibilizadas no concurso da ATF pertencem ao Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e integram o CPNU. Todas as vagas são para candidatos que possuem nível superior completo e se encaixam no Bloco 4 (Trabalho e Saúde do Servidor):

  • 1. Auditor Fiscal do Trabalho (Auditoria e Fiscalização) – 900 vagas.

Como se inscrever para o certame da AFT?

As inscrições para a seletiva do órgão serão recebidas entre os dias 19 de janeiro a 9 de fevereiro deste ano, unicamente por meio do portal Gov.br, onde as inscrições para o CNPU estão sendo reunidas. Os candidatos deverão criar uma conta no sistema informando CPF e seguindo as orientações. O cadastro pode ser realizado tanto pelo site, quanto pelo aplicativo do Gov.br. Vale mencionar que serão aceitos todos os níveis de conta na plataforma (ouro, prata ou bronze).

Em seguida, é necessário preencher os formulários e anexar os documentos exigidos no edital. No momento da inscrição, o candidato fará a escolha pelas carreiras, que estarão divididas em oito blocos temáticos“, explica o Governo Federal.

O valor da taxa de inscrição é de R$ 60 reais para vagas de níveis médio e R$ 90 para oportunidades de nível superior. Vale destacar que com apenas uma taxa de inscrição o candidato pode concorrer a mais de uma vaga, desde do mesmo bloco temático. Neste caso, o interessado deverá classificar as vagas por ordem de preferência. Cabe destacar que os seguintes participantes têm direito a isenção:

  • 1. Inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico);
  • 2. Candidatos que cursam ou cursaram faculdade pelo Fundo de Financiamento ao Estudante do Ensino Superior (Fies) ou pelo Programa Universidade para Todos (ProUni);
  • 3. Doadores de medula óssea.

Composição das provas

As provas do certame da AFT serão realizadas dentro do CPNU, logo, seguirão o mesmo cronograma e conteúdo pragmático. A prova objetiva, comum para todos, será realizada no dia 5 de maio deste ano. No mesmo dia, serão aplicadas as provas objetivas de conhecimentos gerais, comuns para todos os candidatos inscritos, independentemente do cargo escolhido, além de provas de conhecimentos específicos e prova dissertativa que irão variar de acordo com a área de atuação.

Após a primeira fase, os candidatos poderão ainda ser submetidos (a critério dos órgãos ou por determinação legal de carreiras específicas) a etapas de avaliação de títulos, experiência profissional, apresentação de memoriais, provas práticas, entre outras.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo