Concurso ESA 2018 – Edital e Inscrições

A Escola de Sargento das Armas (EsSA), que é do Exército Brasileiro, tem um novo edital e são mais de 1.000 oportunidades. Na realidade, as vagas são destinadas à escola de formação militar, incluindo sargentos músicos, sendo 30 vagas e para instrumentos como trompete, trombone baixo, saxonone, flauta em dó e outros.

Também haverá curso na escola de formação para os Técnicos em Enfermagem, sendo 60 vagas. Já para o setor de aviação, as vagas serão para Manutenção de Aviões, Topografia, Mecânico Operador, Engenharia, Infantaria e outras mais.

A banca organizadora será a Escola de Sargentos das Armas (EsSA) e ela fará várias etapas nesse certame, tais como exame para habilitação musical e ainda inspeção de saúde, teste de produção de texto e a prova de múltipla escolha. Nela, os que se inscreverem para a parte de Música terão algumas perguntas referentes à Teoria Musical.

A data da EsSA para essa prova é 31 de julho e as cidades nas quais elas vão acontecer são Itaiutaba, Rio de Janeiro, Imperatriz, Vila Velha, Altamira, Belo Horizonte, Rondonópolis, Montes Claros, Campo Grande, Guarujá, Tabatinga, Santa Maria, João Pessoa e outras.

Inscrição

Será feita em http://www.esa.ensino.eb.br/ até 20 de abril, sendo a taxa de participação de R$ 95,00. Para que os futuros militares requisitem a sua isenção, eles ou a família precisará estar no Cadastro Único, lembrando que a Escola de Sargentos das Armas vai ter de deferir.

Os vencimentos para os sargentos formados serão de R$ 3.825,00; todavia, enquanto os aprovados ainda estiverem na escola de formação, eles terão assistência odontológica, auxílio alimentação, assistência psicológica, assistência médica e também auxílio moradia.

O certame terá somente 15 dias de validade, ou seja, ele não servirá para outro ano que não seja o de 2019. Com relação aos requisitos que a EsSA tem, eles são ter o máximo 26 anos (para o ramo de Música) e de 24 anos para os demais setores. Os resultados de todas as avaliações da Escola de Sargentos de Armas serão disponibilizados em 5 de outubro.


 



Comentar