Concurso IBGE Analista Censitário 2019 – Edital publicado

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) está recrutando, para atuação temporária, 400 analistas censitários em 2019. A organizadora é o Instituto AOCP e as pessoas aprovadas trabalharão no censo que o órgão realizará no ano que vem.

O contrato dos analistas censitários será de um ano e a jornada profissional ficará em 40 horas por semana. Os municípios de lotação correspondem às capitais brasileiras e a remuneração é de R$ 4.200,00.

Requisitos Concurso IBGE Analista Censitário 2019

Apenas pessoas que não trabalharam no IBGE nos últimos dois anos podem se inscrever, devendo ter o documento de reservista (se for do sexo masculino) e a comprovação de situação eleitoral regular.

Os candidatos a analistas censitários precisarão de ter ensino superior em Biblioteconomia e Documentação, Desenho Instrucional, Jornalismo, Logística, Planejamento e Gestão, Programação Visual ou Webdesign, Análise de Sistemas, Ciências Contábeis, Gestão e Infraestrutura, Ciências Sociais, Letras, Métodos Quantitativos, Produção Gráfica ou Editorial, Recursos Humanos e Análise Socioeconômica.

Os diplomas dos cursos acima têm de ser autorizados pelo Ministério da Educação.

Etapas Concurso IBGE Analista Censitário 2019

A prova de múltipla escolha ocorrerá em setembro e os inscritos terão de fazê-la em uma das capitais; o Instituto AOCP publicará os respectivos locais de aplicação e são os participantes que devem acessar a página da organizadora para fazer essa consulta.

Edital Concurso IBGE Analista Censitário 2019

Está no site do Instituto AOCP: http://www.institutoaocp.org.br/. Na página inicial, vê-se um banner identificado como “Analista censitário” e basta clicar para chegar ao edital. O concurseiro pode localizá-lo também clicando em ‘Concursos”.

Inscrições Concurso IBGE Analista Censitário 2019

Devem ser feitas até 23 de julho, no site acima. Para participar gratuitamente, a pessoa precisará estar registrada no Ministério da Saúde como doadora de medula óssea ou ser ajudada pelos programas sociais públicos, comprovando que estão no Cadastro Único.

Os candidatos a analistas censitários que não se encaixarem nas situações acima terão de pagar R$ 64,00 de taxa de participação até o dia 24 de julho.





Comentar