Curso Confeccionador de Sandálias e Rasteiras Senai – Inscrição

As sandálias e as rasteirinhas não são acessórios unicamente para o verão: de fato, elas são usadas em diversas combinações, mesmo quando se fala de tempos frios. Sendo alguns dos produtos que as lojas de sapatos mais comercializam e existindo até importante comércio online apenas para eles, o trabalho de confecção dessas peças é promissor.

Para que novos profissionais do setor de sapatos possam ser formados, existe o curso de Confeccionador de Sandálias e Rasteiras, que foi preparado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (SENAI). Infelizmente, essa é uma formação que é considerada nova e não são muitas as escolas nas quais ele está presente.

Para as cidades nas quais se tem esse curso, é preciso que se tenha, pelo menos, 16 anos. Alguns assuntos que os estudantes verão são os tipos de saltos (no caso das sandálias), quais são os solados mais seguros, manuseio do couro, tipo de cortes para as tiras, cartela de cores, como fazer a metragem dos números e até como fazer os consertos desse tipo de sapatos.

Os temas ultrapassam a feitura desses sapatos e também abarcam, por exemplo, a segurança: como é que o confeccionador pode ficar seguro? Como algum acidente com qualquer tipo de maquinário da confecção será evitado? Para garantir que todos os que estão nesse curso poderão compreender cada um dos módulos, é preciso que eles possuam a segunda parte do ensino fundamental.

Inscrição

Os SENAIs que disponibilizam o curso de Confeccionador de Sandálias e Rasteiras apresentam mensalidades, mas os candidatos também podem estudar de graça se estiverem dentre os contemplados pelo Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego (PRONATEC). O link para que os interessados nos cursos candidatem-se a essas possíveis bolsas é http://portal.mec.gov.br/pronatec.

O link que os cidadãos deverão acessar para conferir as unidades que formam esses confeccionadores é o http://www.portaldaindustria.com.br/senai/. No caso das inscrições nas próprias filiais, precisa-se apresentar o comprovante de escolaridade original e os documentos pessoais. Pode ser que o processo seletivo da unidade tenha uma taxa.


 



Comentar