Notícias

Décimo terceiro em 2024: Como pedir adiantamento do 13°

Antecipar ou não o 13º salário é uma dúvida presente na cabeça de milhares de trabalhadores. Hoje, existem duas formas de fazer essa antecipação: solicitando a primeira parcela com as férias (direito do trabalhador) ou fazendo uma espécie de empréstimo que tem a bonificação como garantia.

No caso do crédito, a decisão deve ser tomada com cautela. Afinal, pagar juros por um dinheiro que será seu no final do ano não é o melhor dos cenários. Por outro lado, se você precisa de dinheiro com urgência, a antecipação do 13º salário pode ser uma saída mais acessível.

Antecipação do 13º salário em 2024

Como mencionado há pouco, existem duas formas de antecipar o montante. Abaixo, vamos falar sobre como cada uma delas funciona. Veja:

  • 1. Antecipando o 13º com as férias

Todo trabalhador tem direito de solicitar o adiantamento da primeira parcela do 13º juntamente com as férias. Para isso, você deve fazer a solicitação por escrito no início do ano em que pretende receber a antecipação, até o final de janeiro.

Dessa forma, quanto tirar as férias, receberá também a primeira parcela do 13º salário. Lembrando que essa antecipação é um direito do trabalhador e uma obrigação da empresa.

  • 2. Antecipando o 13º via instituição financeira

Atualmente, é possível antecipar o montante por meio de um tipo de empréstimo com valor integral ou parcial do benefício, oferecido por diversas instituições financeiras. Com isso, qualquer pessoa que recebe o 13° salário pode ter o valor em qualquer época do ano por meio de uma linha de crédito específica.

Entretanto, é preciso fazer as contas para decidir se vale a pena, tendo em mente que o crédito implica no pagamento de juros sobre o valor emprestado. O crédito está disponível para trabalhadores assalariados e funcionários públicos que têm direito ao benefício, bem como aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Principais diferenças

Ao contrário do empréstimo tradicional, a antecipação do 13º oferece algumas vantagens para o solicitante, já que a companhia credora tem maior garantia de que vai receber o dinheiro. Os benefícios são:

  • 1. É mais fácil conseguir a aprovação, mesmo se você estiver negativado;
  • 2. Os valores do crédito são flexíveis;
  • 3. A liberação é feita com rapidez e diretamente na sua conta;
  • 4. As taxas de juros costumam ser inferiores às de outras modalidades de crédito.

Já no empréstimo pessoal comum, você passa por uma análise de crédito mais criteriosa e pode pagar taxas de juros mais altas, dependendo de quem você contratar.

Muitas vezes, é preciso antecipar o 13º salário por conta de alguma urgência financeira ou mesmo para dar uma aliviada no orçamento em um momento mais crítico. Todavia, é crucial pensar bem nessa escolha, pois não ter o valor do salário no final de ano pode se mostrar um problema.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo