Programas sociais

Desenrola Brasil: Governo toma decisão e confirma prorrogação do programa

Na manhã da última quarta-feira (6), o Governo Federal anunciou a prorrogação do Desenrola Brasil, programa que tem como objetivo ajudar os cidadãos em situação de inadimplência a quitarem suas dívidas. De acordo com o Secretário de Reformas Econômicas do Ministério da Fazenda, Marcos Barbosa Pinto, a iniciativa vai se estender por mais três meses.

Originalmente, a ideia do governo era manter o Desenrola Brasil ativo até o dia 31 de dezembro deste ano. Contudo, agora, a previsão é que o projeto se estenda até abril de 2024, dando mais tempo para que os brasileiros negociem seus débitos em aberto. A seguir, veja o comunicado emitido pelo Ministério da Fazenda no X (antigo Twitter):

Alterações nas normas de elegibilidade

Além da prorrogação do Desenrola Brasil, a pasta confirmou que vai modificar algumas regras de participação no processo. Atualmente, para fazer parte do programa, o devedor precisa ter uma conta nível prata ou ouro no sistema Gov.br. Ao que tudo indica, a condição será removida em breve.

A gente pretende, na próxima semana, enviar uma medida provisória para o Congresso eliminando esse requisito. A gente não acha que esse é o ponto que é o maior empecilho para as negociações ocorrerem no ritmo ótimo, mas um ponto que pode causar algum entrave para algumas pessoas, então a gente quer abrir mão desse requisito“, disse o secretário.

Desenrola Brasil se mostrou um grande sucesso

Outro ponto destacado pelo Ministério da Fazenda na quarta-feira (6) foi que o programa de negociação de dívidas já soma R$ 2,9 bilhões em créditos negociados. Mais de 10 milhões de cidadãos puderam desfrutar da iniciativa e conseguiram liquidar suas dívidas.

Para Pinto, a população brasileira está interessada em renegociar suas pendências e, com a implementação do programa, ela tem uma grande oportunidade para tal. Apesar do sucesso, ele destaca que o número de pessoas que ainda não visitaram a plataforma é muito grande, sendo este um dos motivos para prorrogar o Desenrola Brasil.

Ministério da Fazenda revela números do programa

A seguir, confira todos os dados divulgados pela pasta responsável pelo Desenrola Brasil:

Faixa 1 (dívida de até R$ 100 com bancos)

  • 7 milhões de pessoas beneficiadas (débitos de até R$ 100);
  • 2,7 milhões de pessoas atendidas (demais pendências).

Fase 2 (dívidas bancárias e não bancárias)

  • 1 milhão de cidadãos beneficiados;
  • R$ 5 bilhões em dívidas negociadas.

Dados gerais do Desenrola Brasil

  • Ticket médio de negociação do Desenrola Brasil: à vista R$ 248; parcelado R$ 791;
  • Média dos descontos: à vista R$ 90%; parcelado 85%;
  • Média dos juros: 1,8% no parcelamento;
  • Percentual de pagamentos à vista: 75% no PIX e 25% no boleto;
  • Percentual de pagamentos parcelados: 91% no boleto e 9% no débito automático;
  • Média de tempo para concluir a negociação: 4 minutos.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo