Dicas de moda feminina para o trabalho em 2019

Apesar de o trabalho ser um local onde o que deve se destacar é a capacidade, é claro que se pode aproveitar para utilizar bons looks e estar mais confiante. Estando no ano de 2019, as mulheres têm liberdade para selecionar quais serão as suas peças de roupa e como combiná-las e, às vezes, é possível pecar pelo exagero. Conheça aqui dicas de moda feminina para o trabalho.

Bom senso

É muito comum que as empresas não adotem o que é chamado de Dress code, ou seja, que não imponham qual tipo de roupa que a funcionária deve usar. Porém, isso não é razão para que se vista qualquer coisa: saltos muito altos, roupas excessivamente brilhantes ou maquiagem carregada demais, por exemplo, são ideais para a balada, mas não para o ambiente profissional.

Isso também se estende aos decotes e fendas: é importante que sejam moderados. É claro que a mulher pode utilizar um vestido com uma leve abertura e não precisa usar gola alta, mas o bom senso tem de prevalecer.

Ter peças coringa

As peças coringa são aquelas com as quais se pode criar uma série de combinações e são fundamentais para o estilo profissional. Uma pessoa que trabalha de segunda à sexta, por exemplo, não necessariamente precisa usar uma calça diferente para cada dia: se for uma calça coringa, ela pode combiná-la com vários sapatos e camisetas (além de acessórios) e estar na moda sem sujar muita roupa.

A peça coringa clássica é o jeans, indicando-se ter um claro e um escuro e simples, sem customizações, rasgos, etc. Um vestido preto ou até nude também é considerado uma peça coringa, além de camisetas brancas ou pretas.

Acessórios

Eles foram citados entre parênteses no item acima, mas é fundamental falar mais sobre os acessórios, já que eles transformam completamente qualquer look. Basta fazer o teste: usar uma camiseta branca com um maxi colar colorido e usá-la com um conjunto simples de colar e brincos. Certamente, serão duas imagens diversas.


 



Deixe um Comentário: