Empregos em Dores do Indaiá – MG

Com PIB elevado e 13.483 moradores, Dores do Indaiá é uma cidade que fica em Minas Gerais, com 16% da sua população profissionalmente ocupada e a média de 1,7 salários mínimos por mês para cada trabalhador.

Fundada em 1885, a cidade tem 19% das suas riquezas geradas em seu interior e ela faz divisa com Quartel General, Bom Despacho e outras regiões. São R$ 15.236 como Produto Interno Bruto per capita.

Setores com mais empregabilidade em Dores do Indaiá MG

As empresas pecuárias garantem aos dorenses grandes vagas de empregos, além da prestação de serviço e do comércio. As empresas de cosméticos que estão na cidade de Dores do Indaiá também asseguram empregabilidade a muitos cidadãos, além das suas fábricas têxteis.

Muitos dorenses trabalham com a parte do turismo, atendendo aos visitantes em eventos como a Festa do Rosário, Cavalgada para o Campo do Bolado, Aniversário da Cidade e muito mais.

Vagas

Os dorenses podem procurar pelas suas vagas de emprego no Sistema Nacional de Empregos ou SINE, cadastrando-se pessoalmente mediante comprovante de residência, documento oficial de identidade com foto, comprovante de escolaridade e CPF.

O cadastro presencial deve ser precedido da instalação do aplicativo SINE Fácil, que dá condições aos trabalhadores de consultar todas as oportunidades abertas em Dores do Indaiá. Se o dorense não quiser usar o app, ele pode voltar ao SINE sempre que quiser descobrir se há vagas abertas.

O Portal Emprega Brasil é outro recurso que os dorenses têm para procurar vagas compatíveis com os seus interesses. É só acessar https://empregabrasil.mte.gov.br/ e procurar, à direta, pela opção “Vagas de Emprego”, que dará acesso ao cadastro de informações pessoais desse trabalhador. Depois, ele pode usar o mesmo site para procurar por vagas em aberto.

SINE em Dores do Indaiá MG

Ele está localizado na Praça do Rosário, n° 268. Outra opção é ir à Secretaria de Estado de Desenvolvimento Social, conhecida como Sedese, que é uma espécie de secretaria do trabalho e pode informar aos dorenses sobre o SINE.




Comentar