Melhores faculdades de Medicina do Brasil em 2020

O número de pessoas com o sonho de estudar Medicina é sempre grande e é por isso que as faculdades investem bastante no oferecimento desse curso. Todavia, nem todas elas têm uma grade curricular e infraestrutura apropriadas para formar bons profissionais de saúde e isso fica visível nas notas conseguidas no ENADE.

Para facilitar a escolha da universidade ou faculdade, os vestibulandos devem conhecer o ranking do Ministério da Educação (MEC), que elenca as instituições com as melhores notas do ENADE. Veja agora as melhores faculdades de Medicina do Brasil em 2020.

Universidade Nove de Julho (Uninove SP)

A instituição tem muitos campi pelo Estado de São Paulo e, dentre as faculdades privadas do país, é uma das mais conceituadas. O seu curso de Medicina tem nota 4 no MEC (sendo o máximo possível a nota 5) e muitas das suas aulas são feitas em laboratórios bastante modernos.

Um dos diferenciais importantes é um Núcleo Integrado de Simulação, além de programas voltados à residência médica e o Incentivo à Iniciação Científica. Para mais informações sobre essa graduação, é só tratar com o campus desejado.

Universidade Estadual do Ceará – UECE

A Universidade Estadual do Ceará é uma das instituições públicas que têm um excelente curso de Medicina, com nota 4 no MEC. Os seus docentes são médicos conceituados e as aulas práticas são feitas de modo meticuloso, prezando pela ética e apresentando técnicas modernas.

Para informações extra sobre o curso de Medicina da Universidade Estadual do Ceará, deve-se acessar aqui, inclusive para consultar os próximos vestibulares.

Faculdade de Ciências Médicas e de Saúde de Juiz de Fora

Mais uma instituição privada de ensino que tem um grande currículo e que alcançou nota 4 no MEC. O seu curso de Medicina é completamente presencial e aqui é possível consultar todos os docentes e todas as matérias oferecidas.

Universidade Federal de Viçosa

Ela tem o melhor curso de Medicina do Brasil, já que é o único com nota 5 no MEC. Para informações, deve-se acessar aqui.




Comentar