Novo RG com QR Code e 12 Documentos 2019 – Como solicitar

Depois de a carteira de motorista passar a ter uma versão digital, é hora de o RG ser modernizado: além de ganhar um QR Code para ser autenticado virtualmente, ele também terá muito mais informações: ao todo, os dados de outros 12 documentos do brasileiro poderão ser colocados apenas do documento de identidade.

O RG com QR Code é uma realidade bem próxima: existem Estados brasileiros que já o autorizam e muitos cidadãos começam a providenciar a versão do novo documento. Conheça aqui as diferenças mais importantes e quanto custará esse documento mais moderno.

Como é o RG com QR Code com 12 Documentos

A organização dessa nova carteira de identidade será bem diferente daquela que os cidadãos veem hoje. Primeiro, ele não será mais um documento em papel revestido de plástico, como hoje: a tendência é que o RG passe a ser um cartão, bem parecido ao cartão de CPF ou aos cartões magnéticos.

As informações que serão adicionadas ao RG, por enquanto, são:

 

  • Carteira de Trabalho e Previdência Social com a sua respectiva UF e série;
  • Título de eleitor;
  • Identidade profissional;
  • Carteira Nacional de Habilitação;
  • NIS/PIS/PASEP;
  • CNS;
  • Certidão militar

 

A parte de trás do RG terá exatamente o QR Code, além de ser mantida a reprodução da digital do dedo polegar.

Qual é o formato do RG com QR Code

É possível que as medidas do novo RG com QR Code e 12 documentos fiquem um pouco maiores porque haverá mais informações: para comportar tantas novas numerações, é claro que a Secretaria de Segurança Pública precisará de mais espaço.

Todavia, o novo RG não ficará muito maior: ele continuará cabendo na carteira e, pensando na sua semelhança com o cartão do CPF e os cartões magnéticos dos bancos, é esperado que ele seja compacto.

 

Como são as fotos para o RG com o QR Code com 12 documentos

A nova versão do documento oficial de identidade continuará necessitando de foto e as exigências a respeito dela seguem as mesmas.

Cores

A roupa da pessoa que está emitindo o documento deve ser de cor forte, enquanto o fundo precisa ser branco. É importante ainda que o rosto do cidadão esteja bem iluminado: as cabines de fotos 3×4 costumam ter luzes para que os traços do indivíduo fiquem em evidência, coisa que é essencial em um documento de identificação.

Acessórios

Nas fotos de documentos, o foco é sempre o rosto; dessa maneira, é claro que bonés, chapéus, brincos, colares e quaisquer coisas chamativas são proibidas. Com relação a acessórios médicos que tenham de ficar sobre a cabeça ou o rosto do cidadão, será obrigatório que um médico especialista emita um laudo.

Atualização

Para que os postos de emissão do RG com QR Code não recusem a foto 3×4, o ideal é que o cidadão tire a foto no mesmo dia em que faz o documento. Se não puder, é preciso que a foto em questão seja de até um ano, a menos que o indivíduo tenha feito algum procedimento, mudado radicalmente o cabelo ou coisas que interfiram severamente na sua identificação.

Tipos de roupa

Além de o cidadão ficar atento ao contraste da roupa e do fundo da foto, o corte da peça também conta: camisetas regatas e tomara que caia não podem ser usados em fotos para esse documento.

Onde solicitar o RG com QR Code

A emissão do RG com CR Code e 12 documentos é feita nos postos que já fazem o RG atualmente e que são administrados pelo governo estadual. O sistema de agendamento, que existe em quase todos eles, continuará funcionando.

Valor para o RG com QR Code

Assim como o RG comum tem preço diferente pelo Brasil, o mesmo acontece com o RG com QR Code e 12 documentos ele custa na faixa de R$ 92,00.

Estados que permitem o RG com QR Code

O Brasil tem a emissão do RG com QR Code restrita a poucos Estados, no momento:

 

  • Mato Grosso;
  • Maranhão;
  • Rio de Janeiro;
  • Rio Grande do Sul;
  • Distrito Federal;
  • Acre;
  • Ceará;
  • Paraná;
  • Goiás

 

Todos os demais lugares do Brasil continuam emitindo somente o RG comum, mas é apenas questão de tempo para que a versão com QR Code e 12 documentos seja disponibilizada neles também.

Benefícios do RG com QR Code

A nova estrutura do RG modernizará muito o dia a dia dos cidadãos, que não precisarão portar tantos documentos constantemente: se for preciso fornecer a carteira de trabalho e o título eleitoral, por exemplo, a pessoa não precisará levar os dois documentos, bastando que esteja com o seu novo RG.

O QR Code também tornará o documento oficial de identificação com foto mais difícil de ser falsificado, combatendo a ação criminosa de quem se dedica a vender documentos.





Comentar