O que é uma startup, como trabalhar em uma?

A expressão “startup” é a forma mais moderna de classificar uma série de empresas novas e que têm como base da sua estrutura a internet. Porém, será que basta que uma companhia tenha estrutura digital para ser uma startup ou existem outras caraterísticas para esse tipo de negócio?

Mesmo que alguns achem que uma startup é simples e que é ideal para os empreendedores de primeira viagem, é diferente. Para uma empresa ser classificada assim, ela precisa de lucro desproporcional e é por causa dele que a Internet é tão explorada.

Traduzindo uma startup

Primeiro, é importante esclarecer o que significa lucro desproporcional: esse tipo de ganho é aquele que o empreendedor consegue sem um investimento tão grande na sua infraestrutura. Uma loja de roupas física, por exemplo, que era exclusivamente feminina e quer atender aos homens precisará mudar seu estoque, mudar um pouco sua decoração, procurar por mais fornecedores e, se possível, até aumentar seu espaço.

Para todos os processos acima, é lógico que o lojista terá de investir: ele pode ganhar mais, mas precisará gastar primeiro. Se fosse uma loja virtual, uma startup do ramo de roupas, o investimento para trazer lucro seria bem mais baixo: o empreendedor conseguiria ganhar mais e, ao mesmo tempo, pagar menos por melhorias.

É por causa desse lucro desproporcional que as startups são dependentes da tecnologia: porque as ferramentas tecnológicas são mais baratas. Há muitas dessas empresas que criam aplicativos, enquanto outras têm lojas especializadas e virtuais, além das que fazem atendimentos diversos via computador.

Como trabalhar em uma startup?

Um dos requisitos primordiais para ser funcionário em startup é saber utilizar tecnologia: ao menos um computador e o acesso à internet precisam ser dominados. Se a pessoa quer estar em alguma parte específica da startup, como a de programação, deverão saber como criar aplicativos.

Sendo um estilo de empresa, os profissionais da Contabilidade e os demais setores também são contratados e a necessidade de domínio de Internet e de inovação estende-se a eles.


 



Deixe um Comentário: