Pedido de isenção de taxa de inscrição ENEM 2020 – Prazos, Solicitar

Muitas pessoas têm o desejo de prestar o Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) por saberem que um bom resultado nessa prova ajuda demais a conseguir uma vaga em cursos universitários. Porém, o valor da taxa de inscrição é considerado alto por muitos: ano passado, por exemplo, o Ministério da Educação cobrava R$ 85,00 de cada participante.

Por isso, o pedido de isenção se torna a melhor solução para quem quer participar do ENEM. Os requisitos básicos são:

  • Ser ou ter sido estudante de escola pública;
  • Estar no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico);
  • Ser ou ter sido bolsista em escola particular

 

A isenção é sempre total e o participante recebe o direito de fazer a prova totalmente de graça, arcando unicamente com o seu transporte ao local de aplicação, compra de caneta e com possível alimentação.

Pedidos de isenção para 2020 já acabaram

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP) encerrou o período de pedidos de isenção no último dia 17. Dessa maneira, quem já se inscreveu para o ENEM 2020 e pediu isenção precisa aguardar o seu deferimento, a ser publicado no próprio site do INEP.

O período de inscrição para os demais participantes também já foi encerrado no dia 22. Por isso, é essencial pagar o boleto de taxa até o dia estipulado no edital do INEP, conferindo se a inscrição está mesmo confirmada.

Aplicação da prova do ENEM 2020 depois do isolamento

A pandemia de coronavírus trouxe muita incerteza com relação às provas do ENEM 2020, mas o Ministério da Educação declarou que elas serão aplicadas em 1 e 8 de novembro. Ao que tudo indica, a prova continuará sendo presencial, lembrando que algumas cidades já receberam provas virtuais no ano passado, como uma experiência do MEC.

Provavelmente, nos anos a seguir, a prova do ENEM passará a ser feita em polos digitais determinados pelo governo, acabando com a necessidade de impressão de milhões de cadernos de questões, folhas de resposta e de redação.




Comentar