Trabalhe Conosco Orbi Química

Fundada no ano de 2006, a Orbi Química é uma companhia que atua com conservação industrial e também automotiva, além de construção civil. Completamente brasileira, ela tem registro na Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e uma área de 11.000 m.

Na Construção Civil, ela tem representantes no Rio Grande do Sul, Distrito Federal, Rondônia, São Paulo, Piauí e outros, sendo a maioria em locais nordestinos. No campo automotivo, ela também tem mais vendedores na região Nordeste, mas chega a todo o Brasil.

A Orbi Química tem um banco de imagens e alguns dos produtos produzidos são gel desengraxante, super lubrificante, desmoldante sem silicone, vaselinas, tinta metálica, cera polidora, espuma expansiva, protetivo para moldes e outros, estando em muitas lojas automotivas, além dos lava-rápidos. Há ainda água bi-desmineralizadora, lava auto, odorizador de veículos, espuma limpadora, vedante líquido, silicone gel, cera líquida e muito mais.

Os produtos que a Orbi Química faz têm OHSAS 18001:2007 e também dois tipos de certificação ISO. Dentre os parâmetros está a integridade e a segurança, sendo elas para quem vai fazer os produtos e para as pessoas que vão aplica-los.

Ela conta com televendas, com o destaque de que também se disponibilizam os produtos industriais. Na realidade, não há representantes: para adquirir os itens químicos desse segmento, é necessário tratar com a Orbi. Vale dizer que se pode realizar cotação de fornecedores virtualmente e que a empresa, que está no Leme, tem um portal especial para os empresários que têm seus produtos.

Por que ser colaborador da Orbi Química?

Ela tem um grande catálogo e os seus produtos químicos são requisitados para todos os tipos de empreendimentos, além de serem muito vistos nas oficinas e nos estabelecimentos automotivos. Destaca-se o cuidado com a integridade e também o fornecimento eventual de viagens profissionais.

Como a Orbi Química recebe os currículos?

Eles precisam ser enviados para [email protected], preferencialmente em PDF. Para os que não têm um arquivo assim, basta buscar na rede os conversores gratuitos ou, não conseguindo, encaminhar no formato Word.


 



Deixe um Comentário: