Vagas de emprego na MAHLE

Fundada no ano de 1920, a Mahle é uma companhia do segmento de peças automotivas. No ano de 1934, ela realizou a patente da Turbometal e, três anos depois, começaram a ser fabricados filtros do ar destinados a banho de óleo. A Mahle continuou criando diversas peças essenciais e, em 1955, a produção dos pistões Autothermatik passou a ser feita em série e ela integrou o Nikasil em sua produção a partir do ano de 1967.

Dois anos depois, a empresa comprou a Konig KG e, no ano de 1973, ela também adquiriu a espanhola FISA Fundiciones Industriales. Em 1987, ela teve dois acontecimentos importantes, sendo um deles a apresentação do Ferrotherm, que é uma marca de pistões. O outro marco desse ano foi quando a Mahle comprou a italiana Mondial Piston; outros pistões importantes passaram a ser fabricados em série dois anos depois: o Liquostatik, que é feito com alumínio.

Entre os anos 2000 e 2009, alguns dos seus capítulos mais importantes também são relacionados à expansão comercial. Em 2003, por exemplo, ela se juntou a BMW para criar uma joint venture. Em 2006, ela estabeleceu uma fundação em Shangai.

A Mahle está instalada em países como Turquia, Portugal, Hungria, Eslovênia, Bielorrússia, África do Sul, México, Argentina, Singapura, Coreia, România, Itália, Alemanha, Canadá, Filipinas, Tailândia e muitos outros.

Os seus produtos automotivos são para gerenciamento do ar, eletronics, trem de válvulas e mais, além de haver muitos serviços, como túneis de ventos e também testes de módulo.

Por que ser parte da Mahle?

As peças automotivas são alguns dos produtos que o mundo moderno mais comercializa e a Mahle tem como vantagem ser uma grande multinacional. Os colaboradores têm refeitório, ônibus fretado, cesta básica, bom salário, cantina assistência odontológica e médica e muito mais.

Como a Mahle recebe os currículos?

No site http://www.br.mahle.com/pt/, o trabalhador clica em “Carreira” e depois no país desejado. À esquerda, a empresa tem vagas para portadores de deficiência, estagiários e outros filtros, inclusive “níveis de entrada”.


 



Deixe um Comentário: