Vagas de empregos no setor de turismo durante a pandemia

Não há dúvidas de que as restrições de viagem por causa da quarentena fizeram com que o setor de turismo fosse bem afetado: durante muitos meses, pouquíssimas pessoas puderam se deslocar e várias companhias aéreas até mesmo paralisaram os seus voos.

Contudo, o mundo recomeçou a abrir as suas fronteiras aos poucos e, dentro do Brasil, que está com as transmissões de coronavírus controladas, as viagens estão permitidas, desde que com cautela.

Por isso, já é possível encontrar vagas de emprego para esse setor, mesmo durante a pandemia, que ainda não se encerrou.

 

Nos hotéis

Com as pessoas retomando as suas viagens e devido à proximidade com o final do ano, os hotéis já estão contratando novamente. Por isso, acessar os sites deles e deixar o seu currículo disponível é uma boa opção para técnicos em Turismo, Turismólogo, recepcionistas e outros.

Nos sites de empregos

Quem não tem um hotel específico onde queira trabalhar pode usar os sites de emprego, que trazem vagas bem genéricas e para estabelecimentos desse tipo em todo o país.

A maioria deles permite o envio gratuito dos currículos e há uma categoria apenas para as funções referentes ao setor de Turismo. Normalmente, é possível monitorar as oportunidades usando app.

 

Turismo também proporciona trabalho online durante a pandemia

Os profissionais de turismo que trabalham na parte administrativa podem conseguir vagas para home office também. Inclusive, essa forma de trabalho se tornou dominante desde que o coronavírus apareceu e é possível que os hotéis, pousadas e outros estabelecimentos continuam com ela no futuro.

Alguém que cuida da gestão de reservas, por exemplo, ou dos investimentos voltados ao turismo pode perfeitamente exercer a sua função de modo remoto.

 

E para cruzeiros?

No setor de turismo, os cruzeiros são empregadores expressivos porque é necessário ter uma equipe grande para cuidar de todas as cabines, do entretenimento, etc.

Porém, a maioria dos cruzeiros ainda não está funcionando por não ser seguro manter passageiros confinados em áreas compartilhadas por enquanto.




Comentar