Vagas de Estágio Programa Jovens Valores ES 2020

A realização do estágio é muito importante para que os estudantes de qualquer nível entendam melhor como é estar no mercado de trabalho, com todas as suas responsabilidades. Porém, conseguir uma vaga desse tipo nem sempre é muito fácil, mas o quadro no Espírito Santo está sendo revertido por meio do Programa Jovens Valores.

Ele é destinado a pessoas que façam qualquer curso, seja ele técnico, ensino médio regular ou ensino superior. No entanto, é obrigatório que essas pessoas estejam desempregadas e que já tenham completado 16 anos.

As pessoas que fazem o curso Educação para Jovens e Adultos (EJA) também são candidatos a participar do Programa Jovens Valores, desde que a modalidade cursada seja a profissional. Vale destacar que, em todos os casos, o indivíduo que se inscreve tem de provar que frequenta regularmente as aulas, ou seja, quem abandonou o curso ou a escola regular não pode estagiar.

Ao escolher quem fará os estágios, o governo do Espírito Santo dará preferência a pessoas assistidas por programas sociais, bem como aquelas que têm renda mais baixa. Mesmo assim, os estudantes de todos os perfis podem participar e têm oportunidades de ser selecionados.

Quem já esteve no Programa Jovens Valores pode se inscrever de novo e vale dizer que todos os estágios são em órgãos públicos, em funções da parte administrativa.

Como fazer a inscrição

A inscrição é disponibilizada de acordo com a realização de editais e quem quiser estagiar deve fazer o seguinte:

 

 

Se houver edital com inscrições abertas, o sistema do Programa Jovens Valores solicitará que o interessado cadastre sua conta e seus dados. Caso apareça o aviso de que as inscrições estão suspensas, basta acompanhar frequentemente o site até que novo edital esteja disponível.

Para sanar suas dúvidas sobre os editais, inscrições e outros aspectos do estágio, deve-se clicar em Fale Conosco. Além disso, o governo do Espírito Santo disponibiliza várias perguntas frequentes já respondidas para facilitar o esclarecimento da população.




Comentar