Programas sociais

Veja como se inscrever no Auxílio Jovem através do Cadastro Único

Para a alegria de diversos jovens brasileiros, o Governo Federal estuda reativar um programa social destinado a esta parcela da população. O Auxílio Brasil Jovem visa, como o próprio nome indica, apoiar financeiramente os jovens e adolescentes que tenham um bom desempenho escolar, esportivo, e em outros campos.

Para que você fique por dentro da iniciativa, nesta matéria, reunimos todos os detalhes que competem ao Auxílio Brasil Jovem, como solicitá-lo e quais são os valores prometidos pelo Governo Federal. Portanto, é de suma importância seguir a leitura até o fim.

Afinal, do que se trata o Auxílio Brasil Jovem?

A iniciativa nada mais é do que um benefício concedido pelo Governo Federal que busca ajudar jovens e adolescentes em situação de vulnerabilidade social e econômica. O programa em questão oferece um auxílio financeiro de até R$ 1.200, no intuito de proporcionar melhores condições de vida, seja no que diz respeito à alimentação, moradia e educação.

Para ser contemplado pelo Auxílio Brasil Jovem, é preciso que o cidadão e seu responsável legal estejam registrados no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), a base dados do governo que monitora as pessoas em situação de pobreza e extrema pobreza.

Passo a passo para solicitar o benefício

Como mencionado há pouco, o primeiro passo é estar devidamente registrado no CadÚnico. O processo de cadastro pode ser feito pessoalmente em um posto de atendimento de seu município, como um Centro de Referência da Assistência Social (CRAS) ou no setor da prefeitura responsável pelo Bolsa Família.

Uma forma prática de encontrar uma unidade de atendimento próxima é acessando o site do portal Mapas Estratégicos para Políticas de Cidadania (MOPS) e pesquisar os pontos distribuídos na sua cidade. Vale frisar que o cadastro deve ser feito no local onde você e sua família moram.

Ao efetuar o registro, é preciso ter em mãos os documentos de todas as pessoas que residem na mesma casa que você. Abaixo, confira a lista de documentos essenciais para estar em posse:

  • 1. CPF;
  • 2. Documento de identificação (preferencialmente o RG);
  • 3. Comprovante de residência (preferencialmente conta de luz).

Quem pode ingressar no programa?

Assim como os demais programas sociais do Governo Federal, o interessado deve atender alguns critérios para ser contemplado. Portanto, além do registro no CadÚnico, é necessário atender aos seguintes requisitos:

  • 1. Ter entre 14 e 17 anos de idade;
  • 2. Ter um bom desempenho escolar;
  • 3. Ter um bom desempenho esportivo;
  • 4. Estar em situação de vulnerabilidade socioeconômica.

Os critérios mencionados acima são avaliados durante o processo de análise cadastral realizado no CadÚnico. Outro ponto importante é que o programa visa beneficiar aqueles que realmente necessitam de apoio financeiro. Em outras palavras, poderá haver uma ordem prioritária para concessão.

Quanto o beneficiário vai receber?

Atualmente, o valor máximo do Auxílio Brasil Jovem é de R$ 1.200. Contudo, é importante destacar que o valor pode variar de acordo com a situação financeira de cada família. Sendo assim, o montante é calculado conforme a renda por pessoa e o número de membros da família. Ou seja, quanto menor a renda e maior o número de pessoas no núcleo familiar, maior será a quantia do benefício.

Bruno Gama

Jornalista do Vagas Abertas.

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo