Videoaulas para o concurso IBGE Censo 2020 – Dicas

O concurso do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) de 2020 para coordenadores e agentes temporários está fazendo com que muitas pessoas corram atrás de materiais para estudar e as videoaulas estão dentre os recursos mais procurados.

Com as videoaulas, os concurseiros têm acesso a explicações que são, muitas vezes, mais completas do que um texto teórico. Vale lembrar que há pessoas que não aprendem sozinhas, apenas lendo a teoria; por tudo isso, a videoaula é indispensável para apreender mais os conteúdos do concurso.

Onde encontrar videoaulas gratuitas para o concurso IBGE 2020?

Diversas videoaulas estão disponíveis no Youtube e, inclusive, há canais que publicam aulas que se complementam, fazendo com que o concurseiro tenha quase um curso preparatório gratuito.

O canal LacConcursos é uma das opções e ele já chegou a liberar 30 videoaulas sobre concursos do IBGE; o link é https://www.youtube.com/watch?v=1_jpUw0jyzQ e deve-se procurar pela sequência das aulas na página inicial do canal.

Para os concurseiros do IBGE que estão com dificuldades em Matemática, vale a pena acompanhar um aulão sobre o tema disponível no canal Loja do Concurseiro: https://www.youtube.com/watch?v=-TVfAI3_uAo.

O AlfaCon é um dos cursinhos preparatórios para concursos com mais infraestrutura e alunos e o seu canal no Youtube tem muitas videoaulas. Nesta, por exemplo, são abordados conteúdos de Língua Portuguesa, como completiva nominal e agente da passiva: https://www.youtube.com/watch?v=W03rMZ2eLqQ.

Ainda a respeito dos conteúdos de Português, o canal Maxi Educa Concursos oferece videoaulas variadas e até com provas anteriores do IBGE sendo respondidas e discutidas: https://www.youtube.com/watch?v=WLVrN6LyOFk.

Dicas sobre as videoaulas para o concurso IBGE 2020

As videoaulas permitem que o concurseiro tenha acesso até a professores de cursinhos pagos, mas é necessário “garimpar” o Youtube: há diversas aulas excelentes gravadas por professores independentes. Eventualmente, o canal disponibiliza algum material na descrição.

Deve-se ressaltar que o concurseiro não pode ser passivo com as videoaulas, ou seja, não é o suficiente apenas vê-las: é importante estar com um caderno anotando todos os pontos essenciais do conteúdo e, se possível, com as suas próprias palavras